Veneno na língua!

Veneno na língua!

Hoje em dia é muito comum as pessoas usarem as redes sociais para expor suas ideias e opiniões; falar do que acredita, do que não acredita; fazer críticas, elogios etc. O ser humano tem todo o direito de se expressar como bem entende, mas infelizmente, muitas dessas frases e comentários acabam ferindo muitas pessoas. A Bíblia diz que “há palavras que ferem como espada…” (Provérbios 12:18), mas parece que muitos não se preocupam com isso.

Essas atitudes na internet nada mais são do que o espelho da sociedade em que vivemos; uma sociedade que diz tudo o que vem à cabeça, sem pensar nas consequências de suas falas e que não se importam em viver em meio ao pecado. “Os lábios do justo sabem o que é próprio, mas a boca dos ímpios só conhece a perversidade” (Provérbios 10:32).

Esse assunto é tão sério que a Palavra de Deus trata a nossa língua como uma arma poderosa! Com ela “bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus. Da mesma boca procedem bênção e maldição…” (Tiago 3:9-10). E apesar da língua ser um órgão tão pequeno em nosso corpo, ela pode destruir completamente a nossa vida e a de tantas pessoas. Veja:

“…A língua é um pequeno órgão do corpo, mas se vangloria de grandes coisas. Vejam como um grande bosque é incendiado por uma simples fagulha. Assim também, a língua é um fogo; é um mundo de iniqüidade. Colocada entre os membros do nosso corpo, contamina a pessoa por inteiro, incendeia todo o curso de sua vida, sendo ela mesma incendiada pelo inferno” (Tiago 3:5,6)

Mas a continuação dessa passagem é muito clara: “…Meus irmãos, não pode ser assim” (Tiago 3:10). Quando entregamos a nossa vida a Jesus, temos o grande desafio de saber manusear essa “arma”. Sei que no começo é difícil, pois estamos acostumados a dizer coisas ruins nos momentos de irritação, falar mal das pessoas que não temos muita afinidade, participar das rodinhas de fofoca, criticar aqueles que não pensam como nós… Mas “não pode ser assim”! Deus nos chamou para sermos luz e sal e transmitir o Seu amor às pessoas. Somos os instrumentos que o Pai escolheu para alcançar vidas, por isso não devemos estragar tudo por causa do descontrole da nossa língua.

Um verdadeiro cristão se diferencia por suas palavras, mantendo “longe de vós, toda amargura, e cólera, e ira, e gritaria, e blasfêmias, e bem assim toda malícia” (Efésios 4.31). Se você não tiver nada de bom para falar é melhor ficar calado, sabendo que “o que guarda a boca e a língua guarda a sua alma das angústias” (Provérbios 21.23), pois existe “tempo de estar calado e tempo de falar” (Eclesiastes 3.7).

Eu sei que muitas vezes é difícil controlar nossa língua, mas uma maneira muito eficiente de mudar o nosso jeito de falar é manter um diálogo com Deus. Reconheça que você tem dificuldades nesse sentido e diga ao Pai que você quer ser diferente. Tenho certeza que Deus vai te transformar, tirando as palavras ruins de sua boca e colocando outras, abençoadas e edificantes. A mudança será tão grande que todos aqueles que estão à sua volta irão perceber.

A Bíblia também diz que “a língua dos justos é prata escolhida” (Provérbios 10:20). Assim, todos aqueles que servem ao Senhor sempre devem ter coisas boas para dizer. Tudo o que sai da boca do justo tem que trazer vida e esperança, por isso é necessário sempre pedir sabedoria a Deus quando formos falar algo, principalmente quando for um conselho.

O Senhor deseja que eu e você usemos a nossa língua para evangelizar, ajudar, motivar, abençoar, e não para criar boatos maldosos para machucar os irmãos. Deus sabe a intenção do nosso coração, quando dizemos algo, e se a Bíblia diz tantas vezes que a língua é uma arma poderosa, devemos usá-la para a honra e glória de Deus.

“Venham, meus filhos, ouçam-me; eu lhes ensinarei o temor do Senhor. Quem de vocês quer amar a vida e deseja ver dias felizes? Guarde a sua língua do mal e os seus lábios da falsidade” (Salmos 34:11-13).

COMMENTS (1)
Responder

Que esse devocional, possa ser como uma espada flambada, penetrando no coração das pessoas, provocando uma completa transformação, renovando a mente e a alma.

Deus nos abençõe, para que possamos fazer sua Glória resplandecer.

Deixe um comentário

Comentário (obrigatório)

“Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, e sim unicamente a que for boa para edificação, conforme a necessidade, e, assim, transmita graça aos que ouvem.” Efésios 4.29

Nome (obrigatório)
Email (obrigatório)